sexta-feira, 8 de junho de 2018

Voce tem o poder de parar o tempo!



 Ler em Português      Leer en Español

Você está sem tempo?

Foto: Pixabay


Olá povo de Deus!


Você já sentiu que não tem tempo para nada? Filhos, trabalho, estudo, casa etc., tanta coisa para fazer e parece que 24hs não dá tempo? Ou tem muitas coisas para fazer na sua lista de tarefas e não cumpre nem a metade em um dia? Você tem, com frequência, uma sensação de dia perdido e que não produz como devia? Então esse e os próximos textos são para você!

Hoje começa uma série de textos sobre o tempo. Vamos conhecer o que é o tempo, saber melhor como ele funciona e entender como aproveita-lo, inclusive como é bom para nós ficar um tempo sozinhos.


Vamos lá!!!

A relatividade do tempo


O tempo não é algo que usamos e que acaba, não é um bem que temos que usar e aproveitar o máximo por estar acabando. O tempo é um lugar, é neste lugar que a criação se une com o criador. Este lugar está em  nós mesmos, ou seja, o tempo está dentro de cada um.

Muito filosófico, sim, mas na prática quando estamos na fila da consulta esperando a nossa vez o tempo não passa nunca e 30min. parecem uma eternidade. Mas quando estamos vendo um bom filme, que nos prende, 2hs passam e nem sentimos.

Isso quer dizer que as horas apenas marcam o ritmo da vida.

Logo, fica clara a consequência desta verdade. Não é o tempo que nos controla, mas sim nós que controlamos o tempo. Como tem gente que faz 24hs parecerem 30hs e outros 15hs?

Saber administrar o tempo é algo que se aprende e ninguém nasce sabendo. Por isso é fácil encontrar vários cursos na internet que falam de produtividade e como ser mais organizado, pois o mundo de hoje tem quase como exigência fazer mil coisas ao mesmo tempo. Mas calma, tudo não é tão ruim como a vida moderna quer nos mostrar.

O primeiro passo neste caminho é saber dar o devido valor ao tempo e entender o seu significado.

Dando valor ao tempo


Uma luz da mitologia grega pode nos ajudar a entender o valor do tempo.

Na Grécia antiga as horas são deusas graciosas que andam juntos com outros deuses como Afrodite, Dionísio e Apolo.

"Horas junto ao Sol"
Foto: eventosmitologiagrega

Elas acompanham o ano, oferecendo ao povo a primavera e promovendo o crescimento do trigo e da uva. Os atenienses davam nomes para elas como protetoras do florescer, do crescer, do madurecer, da regularidade, do direito e da paz.

Essa mitologia nos revela uma coisa, as horas estão ligadas a natureza e aos humanos, estruturando a vida e dando as coisas na medida certa.

Ou seja, elas são mensageiras vindas de deus, trazem algo sobrenatural para a humanidade.

Colocando isso na nossa visão cristã, podemos dizer que as horas do nosso dia são, pois, como anjos, que nos fazem recordar que cada momento pertence a Deus.

Cuidados com o tempo


Esses anjos nos mostram o que realmente importa na vida. Eles nos lembram que nosso corpo tem tempo de validade e que, portanto, devemos atravessar conscientes e cuidadosos nosso tempo de vida. Ele mostra que dentro de nós existe um lugar onde o tempo marcado pelo relógio não existe e há pura presença.

Como diz Friedrich Shiller:

"Em nós mesmos, existe algo, no meio do tempo, que escapa ao tempo: o espaço interno do silêncio, onde Deus mora em nós".


Quando fazemos silêncio nos afastamos de tudo e de todos, entramos dentro de nós mesmo. Temos acesso a este lugar onde o tempo não existe e estamos em contato com o eterno, aí temos a capacidade de ver a nossa própria vida desde outra perspectiva e podemos tomar decisões que mudam o rumo da nossa existência.


Foto: Pixabay


Podemos ver, por exemplo, quando a pessoa passa por um momento difícil de agitação e confusão, ou quando briga com alguém ela diz, "preciso ficar sozinho". Inclusive tem gente que some e fica dias fora. Na verdade, essa pessoa procura entrar neste espaço sem tempo para entender o que está acontecendo na sua vida e assim refletir melhor as coisas.

Concluindo, o tempo não está fora de nós, mas dentro de nós e não precisamos passar por momentos difíceis de desespero para acessar a esse lugar onde o tempo para. Mas temos que estar constantemente acessando a este espaço, procurando ficar sozinhos em alguns momentos do dia, fazendo retiro ou mesmo indo em um templo e apenas sentar e estar ali com você mesmo.

E para finalizar, lembre-se que as horas estão aí para nos indicar, na vida, o que realmente importa.


Aqui deixo um link que pode complementar sua leitura: A pessoa só vale o que tem!


O próximo post vamos falar dos ladrões do tempo e como eles nos afastam deste lugar onde o tempo para.


Espero que possa ter ajudado e que você possa refletir um pouco mais sobre a importância do tempo e do estar sozinho consigo mesmo.


Obrigado pela leitura e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário